308 805 709

0 artigos

Descubra como cuidar dos pés dos mais pequenos

Imprimir
By Pisamonas 16 de Outubro de 2017

Os pés dos mais pequenos

Se está aqui é porque nos conhece e porque sabe que na Pisamonas encontra o melhor calçado infantil para os seus filhos. Mas hoje queremos dar mais um passo para a ajudar a cuidar dos pés dos mais pequeninos. Vamos apresentar-lhe uma série de conselhos que certamente serão uma grande ajuda seja qual for a idade do seu filho.

Os pés suportam-nos durante todo o dia e, por isso, é importante que, para evitar problemas no futuro, comecemos a cuidar deles desde o início da nossa vida. É fundamental adaptar o calçado dos nossos filhos à sua idade e à sua actividade.

Para cuidar dos pés, vamos começar pelas unhas: é importante cortar as unhas frequentemente, desde que o bebé tenha à volta de um mês de vida. Para facilitar esta tarefa, siga estas dicas:

  • Tente fazê-lo quando o bebé estiver relaxado;
  • Utilize uma tesoura sem pontas ou com as pontas arredondadas;
  • Corte apenas a zona da unha que está separada da pele.

Estes conselhos não garantem que o seu filho se porte bem enquanto lhe corta as unhas, mas se tornar este momento numa rotina relaxante e agradável, será mais fácil para os dois.

É importante que lhe corte as unhas pelo menos uma vez por semana, apesar de depender do crescimento de cada criança, da estação do ano...

Quando estiver a cortar-lhe as unhas, tente que não fiquem com pontas bicudas para evitar que surjam unhas encravadas, um dos problemas mais comuns nos pés dos mais pequenos. Quando deixamos pontas bicudas, quando as unhas endurecem ou lhes calçamos um calçado desadequado, pode surgir um avermelhado na zona afectada, que para além de lhe provocar uma grande dor, pode terminar numa infecção e obrigar-nos a ir a um podólogo infantil. Para evitar que isto suceda, para além de cuidar das suas unhas é importante que calce os seus filhos com sapatos largos, cómodos e do tamanho adequado. Já sabe que no nosso site www.pisamonas.pt pode encontrar modelos adequados para todas as idades e para todo o tipo de pés.

Para além de ensinar aos seus filhos como é importante cortar as unhas, é também necessário que se habituem a secar muito bem os pés, sobretudo quando estão em zonas húmidas como na piscina ou na praia. O espaço que existe entre os dedos é o sítio favorito dos fungos. E se chegarem, vai precisar de ajuda para se livrar deles.  

Se o seu filho já está em idade de ir para a creche (ou se já ultrapassou esta fase), de certeza que já ouviu falar no vírus mãos, pés e boca. A certeza é que pouco pode fazer com os seus cuidados para evitar que o seu filho seja contagiado por este vírus. Costuma afectar crianças menores de 10 anos e geralmente propaga-se no princípio do Verão e no Outono. Como saberá, trata-se de um eczema que se espalha pela boca, mãos e pés e que pode ser acompanhado por febre, mal-estar geral... É contagioso entre 3 a 6 dias, durante os quais a doença não se manifesta, pelo que quando descobrir que o seu filho está infectado, já haverá outros tantos casos ao seu redor.

No geral, para prevenir problemas nos pés dos mais pequeninos, é importante que os observe enquanto caminham, tanto descalços como calçados e que verifique a posição dos pés: se estão inclinados, se a pegada que deixam é irregular ou se nota que apoiam mais um pé do que outro, deverá levar o seu filho a um podólogo, preferencialmente um especializado na infância.

Um dos aspectos-chave para cuidar dos pés dos mais pequenos durante todo o ano é utilizar um calçado adequado, baseando-nos nos pilares: a estação do ano em que estamos e a idade dos nossos filhos. Durante os meses de Verão devemos escolher materiais leves que permitam a correcta transpiração do pé, evitando assim o surgimento de fungos. Devemos também procurar sempre materiais resistentes e com bons acabamentos agradáveis para garantir que as crianças se sintam totalmente confortáveis. Se detectarmos que o cheiro nos ténis dos nossos filhos é demasiado forte, utilize umas meias finas juntamente com o calçado de Verão.  

Pelo contrário, durante os meses de frio, devemos escolher calçado com materiais mais fortes e resistentes e sobretudo que protejam os pés do frio. Os seus pés, para além de cómodos, deverão estar quentinhos.

A idade e a actividade das crianças indicam-nos o tipo de calçado que lhes devemos calçar. Durante os primeiros meses, enquanto ainda são pré-andantes, todo o calçado deverá ser suave, com sola mole e o mais agradáveis possível ao tacto. Quando os bebés começam a andar, é importante que o sapato que escolher para eles seja muito bem ajustado ao pé, pois é a melhor maneira de evitar problemas na passada. Superada esta fase, quando o seu filho já tiver consolidada a caminhada, é necessário que escolha o tipo de calçado em função da actividade que a criança tem, baseando-se no senso comum. É aconselhável alternar sapatos com ténis, pois é importante que não usem sempre o mesmo tipo de sapato infantil.

Além destes conselhos de cuidado com os pés delicados, recordamos-lhe uma máxima que já referimos outras vezes neste blog: é importante que as crianças não herdem calçado, sobretudo quando estão a começar a andar. Cada uma tem a sua forma de pisar e ao herdar sapatos de outras crianças pode causar futuros problemas de pisada.

Já sabe que, se quer encontrar o melhor calçado infantil ao melhor preço, basta entrar em www.pisamonas.pt !

Posted in: Notícias PT Tags: conselhos
Partilhe